A novela era sobre história de um milionário que volta ao Brasil para se livrar de uma acusação injusta de assassinato) e não obteve bons índices de audiência, porém o repertório da trilha sonora foi caprichado, aliás como todas as trilhas internacionais da época, dentre as quais destacamos algumas faixas.

Love is Love – Culture Club – Música que faz parte da trilha sonora do filme “Amores Eletrônicos”, curiosamente não foi comercializada no Reino Unido e nos Estados Unidos, o que não impediu o grande sucesso da canção, que é uma das lentas mais bonitas da década.

  FICHA
  “Um Sonho a Mais”
Data de Lançamento: 1985, 14 faixas

Faixa a Faixa:
01. Culture Club – Love is Love
02. Giorgio Moroder & Phill Oakey – Togheter in Eletric Dreams
03. Tina Turner – Private Dancer
04. Bronksi Beat – Smalltown Boy
05. Jules Shear – Steady
06. Geraldine – Do You Wanna Dance?
07. Michael Legrand – Theme from Summer of 42′
08. Foreigner – I Want To Know What Love Is
09. Alison Moyet – Invisible
10. Air Supply – I Can Wait Forever
11. Heartbreak U.S.A. – Boys Make Me Nervous
12. Whitney Houston & Janet Jackson – Nobody Loves Me Like You Do
13. Tina Charles – Love Hunger
14. Village People – Sex Over The Phone

Foto: Isabel Maia 
Produção: Guiga Soares
Direção de Arte: Felipe Taborda/Marc Iso 

Gravadora: Som Livre

Togheter in Eletric Dreams – Giorgio Moroder & Phil Oakey (vocalista do Human League) – Parceria do produtor Moroder e o vocalista de uma das principais bandas dos anos 80, Phil Oakey do Human League, composta para o filme “Amores Eletrônicos”, e sucesso de pista em qualquer lugar do mundo.

Private Dancer – Tina Turner – Faixa-título do álbum que consagrou Tina Turner nos anos 80.

Smalltown Boy – Bronski Beat – Música de maior sucesso da banda de curta duração que lutava contra a homofobia.

Steady – Jules Shear – Balada romântica e único sucesso de Jules Shear, que chegou a compor letras para Cyndi Lauper.

Invisible – Alison Moyet – Um dos maiores sucessos da carreira solo da inesquecível vocalista do Yazoo, Alison Moyet, essa música inclusive fez parte das letras traduzidas da semana passada.

 

 

Fonte: Projeto Autbahan – Musicas anos 80’s.